top of page

Elenco inicia gravação dos diálogos do espetáculo Paixão e Morte de Um Homem Livre

Ensaios individuais e em grupo, envolvem os 59 personagens que terão falas na edição de 2024

A Associação Artístico Cultural São Pedro (AACSP) está trabalhando em ritmo acelerado na produção da 24ª edição do tradicional espetáculo Paixão e Morte de um Homem Livre, que será realizado nos dias 28 e 29 de março de 2024, no pátio da igreja São Cristóvão, no bairro Aymoré, em Guabiruba.

Nesta semana, a equipe entrou em uma nova fase da produção, com o início da gravação das falas de alguns personagens. Ao todo, 59 atores e atrizes terão diálogos durante o espetáculo, que contará a história de Jesus pela perspectiva da Família de Lázaro, Marta e Maria, amigos de Jesus.

Na noite de segunda-feira, 29 de agosto, gravaram as falas os atores Ricardo Tobias Rosa (sacerdote Joseph); Miguel Kormann (Tribuno); Fábio Luís Kormann Júnior (sacerdote Neftali); Denílson Goulart (ladrão bom); Gustavo Kehler (ladrão mau); Everton Baumgartner (Centurião) e Beatriz Baron Kehler (Joana).

"As gravações surpreenderam muito pela qualidade de preparação dos atores. Foi nítida a preocupação de cada um para interpretar e dar vida ao personagem ao qual foram escolhidos. Conto com o auxiliar de direção, Amilton Stedille, e com toda a equipe de produção da AACSP. Juntos, vamos apresentar um trabalho de forma magnífica”, vibra o diretor do espetáculo, Marcelo Carminati.


Ensaios individuais e em grupos

Além da gravação de alguns diálogos, nas últimas semanas a equipe se dedicou aos ensaios individuais e também em grupos. No domingo, 27 de agosto, 30 atores participaram do encontro, considerado bastante produtivo pela equipe.

"Os ensaios estão nos surpreendendo bastante. Estamos finalizando as práticas individuais, na qual o diretor trabalha exercícios e técnicas teatrais em conjunto com o corpo, fala e mente. Também iniciamos os ensaios em grupos com cenas específicas, que tem o objetivo de melhorar a autoconfiança do ator e da atriz e a sua percepção de espaço do palco", explica Amilton Stedille, assistente de direção.


Nova fase

A partir de agora, inicia a fase de ensaios com os narradores do espetáculo de 2024: Lázaro e suas irmãs, Marta e Maria. "Vamos ensaiar para que eles se ambientem ao cenário, saibam com quem vão falar, como vão falar e as expressões que precisam fazer. Tudo isso facilita bastante", destaca Carminati.

O diretor afirma que o objetivo da AACSP é encantar o público, não só com a interpretação dos atores, mas com o cenário, figurino e maquiagem. "Queremos fazer uma apresentação especial, para que, quem venha nos assistir, tenha uma experiência magnífica e se encante mais uma vez. A história é a mesma, mas sempre existe uma nova forma de contar e fazer a mensagem de Jesus ser transmitida através da arte".



81 visualizações0 comentário

Commentaires


bottom of page